Instalando o Grafana Enterprise no Ubuntu/Debian

Grafana Enterprise

Nesse post rápido e de muito informação, mostro passo a passo da instalação do Grafana Enterprise no Linux que pode ser tanto Ubuntu, Debian ou demais derivados.

O Grafana Enterprise é um Plus do Grafana comum, ele é uma versão comercial do Grafana que inclui recursos adicionais não encontrados na versão do código aberto. O mesmo possui além dos recursos da sua versão comum, plugins de fonte de dados exclusivos e recursos adicionais, além do suporte e treinamento 24/7 diretamente da equipe da empresa do Grafana.

Vale ressaltar que o Grafana Enterprise é um produto voltado para empresas de maiores portes devido aos seus recursos exclusivos.

Mais informações no site oficial: https://grafana.com/

Mãos a obra

Execute os comandos abaixo para preparamos o ambiente para receber o grafana, caso for Ubuntu, provavelmente vai ter que adicionar “sudo” antes de todos os comandos para conseguir executar

apt-get install -y apt-transport-https
apt-get install -y software-properties-common wget
wget -q -O - https://packages.grafana.com/gpg.key | apt-key add -

Adicionar repositório da versão mais estável

echo "deb https://packages.grafana.com/enterprise/deb stable main" | tee -a /etc/apt/sources.list.d/grafana.list

Caso queira, repositório de versões beta CUIDADO

echo "deb https://packages.grafana.com/enterprise/deb beta main" | tee -a /etc/apt/sources.list.d/grafana.list

Após adicionar o repositório, atualize os pacotes e vamos a instalação do Grafana Enterprise

apt-get update
apt-get install grafana-enterprise

Observação: Caso tiver algum problema durante a instalação do grafana, como ele retornar o código (1), remova completamente o grafana-enterprise e resquícios do antigo grafana (caso tenha), atualize os pacotes, e tente novamente.

Após a instalação, basta iniciar o serviço do Grafana, com o comando:

/bin/systemctl start grafana-server
/bin/systemctl daemon-reload
/bin/systemctl enable grafana-server

Para acessar o grafana, entre por um navegador com um dos endereços abaixo como exemplo (O padrão é na porta 3000)

http://IP:3000
http://localhost:3000

Os dados padrões de login são:

Login: admin
Senha: admin

Algumas informações úteis:

Local de instalação padrão: /usr/sbin/grafana-server
Local de instalação do script init.d: /etc/init.d/grafana-server
Cria arquivo padrão (vars): /etc/default/grafana-server
Arquivo de configuração: /etc/grafana/grafana.ini
Nome do serviço do systemd: grafana-server.service
Padrão do log: /var/log/grafana/grafana.log
Banco de dados: /var/lib/grafana/grafana.db
Arquivos HTML/JS/CSS e outros: /usr/share/grafana

Então era isso, espero ter te ajudado, não deixe de conferir os nossos outros contéudos sobre Grafana, Linux, Zabbix, GLPI, e o que mais possa te interessar desse mundo livre, bye

Deixe uma resposta